Eu avisei ao Ivan Júnior, que pagar pessoas e usar pessoas para destruir Ronaldo, era cavar seu buraco político do tamanho do buraco do calçamento do ENCHENTÃO.

Tinha prometido a vocês, meus diletos leitores, falar sobre um assunto muito representativo, de todo trabalho que fizemos de investigação. E seria retumbante, mas me pediram para esperar.

Hoje, vou então, passar para vocês de forma detalhada o objetivo para ser empregado o dinheiro do ENCHENTÃO- Leiam com atenção:

01- Recuperação de 176 KM de ESTRADAS PAVIMENTADAS;

02- Recuperação de 14,5 KM de ESTRADAS PIÇARRADAS;

03- Recuperação de 4.480,00 M2 de VIAS URBANAS;

04- Substituição de 125 UNIDADES HABITACIONAIS;

05- Recuperação de 862 UNIDADES HABITACIONAIS;

06- Abastecimento de água 3.500 metros;

07- Recuperação de EROSÃO 1.570,00 M3;

TOTAL EM DINHEIRO- R$ 8.263.354,60- Um bom dinheiro.

Segundo o Parecer técnico nº : CONJ-00/2011/DRR, a Prefeitura disse aos Técnicos da SEDEC, que tinha executado:

01- CONSTRUÍDO – 124 CASAS;

02- RECUPERADO – 252 CASAS;

03- ESTRADAS VICINAIS- 185,4 km;

04- CALÇAMENTO RECUPERADO- 6.305,80 m2 ( O BURACÃO );

05- RUAS SEM CALÇAMENTO- 1.570,00 M3;

06- RECONSTRUÇÃO DE ADUTORA- 1.667,00 mts;

07- REDE DE ABASTECIMENTO DE ÁGUA- 808,8 mts;

MORAL DA HISTÓRIA, DESVIARAM 87,25% DO DINHEIRO.

Pior ainda, a PMA devolveu R$ 3 milhões de reais ao Governo Federal qur está pedindo a devolução ao Ex-Prefeito IVAN JÚNIOR , O VALOR DE R$ 11.208.491.60 ,dinheiro todo tirado das pessoas atingidas pela a ENCHENTE.

Pergunto aos assuenses: A água que saiu do Sangradouro da Barragem, passou nas ruas Ulisses Caldas e Eufrosina Fernandes, entre outras? E fez uma cratera de (VEJAM) de 6.305,8 metros quadrados. De pedras calçamento arrancadas? Um buraco maior que o buraco do prefeito?

Para os que dizem que ACREDITAM, não seria mais lógico investigar essa turma, ou ficarem perturbando um PREFEITO QUE TRABALHA E SALVA VIDAS?

Bom, pelo visto, vou começar a escrever sobre como o IVAN JÚNIOR MONTOU UM ESQUEMA PRA FICAR RICO, DEIXAR A FAMÍLIA RICA E SEIS DE PARCEIROS. Vocês mesmo estão pedindo. Abs, Eridu.

https://contas.tcu.gov.br/etcu/AcompanharProcesso?p1=13401&p2=2017&p3=3

A participação de Ronaldo Soares no programa “89 em pauta” da rádio 89 FM, apresentado pelo radialista, Delzir Campelo, foi bastante esclarecedora. O veterano deixou claro sobre ele sempre ser apontado como pivô de rumores que nem sempre são verdades e, que o Assú não é uma “terra de ninguém”, que é preciso haver critério e respeito. Também mencionou sobre as dívidas acumuladas por políticos que representam a oposição à atual gestão. O programa foi de grande êxito, com certeza repercutirá nos próximos dias, visto que, Ronaldo tem autoridade no que fala pelos muitos anos de experiência política, sendo um dos icones da história política do Assú.

e1c7aa73507b1ad280eea8369c6e9342
A Câmara Municipal de Mossoró rejeitou as contas do último ano (2016) da gestão do ex-prefeito Silveira Júnior (sem partido). E, pela primeira vez na história, leva um ex-prefeito à inelegibilidade. Com a reprovação das contas, Silveira torna-se inelegível por cinco anos. Foram nove votos pela reprovação das contas, quatro pela aprovação, cinco abstenções e três ausências.

O julgamento ocorreu na sessão desta quarta-feira (19), um dia após a manobra feita por partidários de Silveira para evitar a condenação (VEJA AQUI).

A relatora das contas, vereadora Aline Couto (Avante), leu o seu voto pela reprovação, seguindo recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN). O relatório da Corte mostra que o ex-prefeito sequer apresentou a prestação de contas, muito menos respondeu aos questionamentos feitos pelo Tribunal.

Oito vereadores seguiram o voto da relatora: a presidente Izabel Montenegro (MDB), Alex Moacir (MDB), Didi de Arnor (PRB), Emílio Ferreira (PSD), Izabel Montenegro (MDB), Manoel Bezerra (PRTB), Ozaniel Mesquita (PL), Petras Vinícius (DEM) e Sandra Rosado (PSDB).

Quatro vereadores discordaram do relatório e votaram pela aprovação das contas: Flávio Tácito (PC do B), Zé Peixeiro (PTC), Rondinelli Carlos (PMN) e João Gentil (REDE).

Outros cinco vereadores optaram pela abstenção: Genilson Alves (PTN), Gilberto Diógenes (PT), Maria das Malhas (PSD), Raério Cabeça (sem partido) e Alex do Frango (PMB).

E três vereadores se ausentaram da sessão: Francisco Carlos (PP), Ricardo de Dodoca (Pros) e Tony Cabelos (PSD).

Por De Fato

Por G1 CE

Cid Gomes é baleado durante protesto de policiais em Sobral — Foto: ReproduçãoCid Gomes é baleado durante protesto de policiais em Sobral — Foto: Reprodução

Cid Gomes é baleado durante protesto de policiais em Sobral — Foto: Reprodução

O senador Cid Gomes (PDT-CE) foi baleado na tarde desta quarta-feira (19) em meio a um protesto de policiais que reivindicam aumento salarial. O senador pilotava uma retroescavadeira e tentava furar um bloqueio feitos por policiais militares no Centro de Sobral.

Ainda não foram divulgadas informações sobre o estado de saúde de Cid Gomes. Imagens feitas por pessoas que acompanharam a manifestação mostram o senador consciente e com a blusa manchada de sangue.

Durante a confusão, tiros foram disparados na direção de Cid Gomes e quebraram os vidros do veículo utilizado pelo senador. Conforme a assessora do político, ele foi baleado no peito e foi encaminhado ao Hospital do Coração de Sobral.

Cid Gomes, que está licenciado, organizava um protesto contra um grupo de policiais que tenta impedir o trabalho da Polícia Militar. Nesta quarta-feira, policiais secaram pneus de carros da polícia para impedir que os agentes de segurança atuem na ruas.

Senador Cid Gomes é baleado em meio a protesto de policiais

Senador Cid Gomes é baleado em meio a protesto de policiais

Ainda na tarde desta quarta-feira, policiais de Sobral ordenaram que comerciantes fechassem as portas do Centro da cidade.

A juíza Cristiany Maria de Vasconcelos Batista, da 1ª Vara Cível da Comarca de Macau, negou, na tarde desta terça-feira (18), o pedido de afastamento do cargo de Prefeito de Macau, Túlio Bezerra Lemos.
Segundo informou a assessoria de imprensa do Prefeito de Macau: “ao analisar o processo 0800843-47.2019.8.20.5102, a Juíza negou o pedido liminar de afastamento do cargo do prefeito e ao mesmo tempo extinguiu o processo, por entender que a ação ‘se mostra claramente inadequada’ e que os argumentos apontados não demonstraram que o prefeito praticou atos lesivos ao patrimônio público”.

A presença massissa do público assuense no quarto campeonato de blocos carnavalescos do nosso município é a resposta que corresponde ao grande sucesso do evento.

Todas as secretarias envolvidas estão de parabéns. A população assuense aprovou esse resgate do carnaval antigo de nossa cidade que fez história e marcou a história do município. O carnaval é o momento cultural que reúne a sociedade e, o povo assuense sempre valorizou, os blocos carnavalescos no passado era até motivo de orgulho pelos figurinos caprichados e a alegria dos nossos foliões, a gestão” Gente cuidando de gente” está de parabéns ao trazer de volta a alegria e muita cor e irreverência para o nosso carnaval. 2020 promete ser um dos melhores carnavais de Assú, que a alegria e o comprometimento cultural de nossa gente se entrelacem com os objetivos da equipe organizadora e da administração municipal na pessoa do Dr. Gustavo Soares, muita alegria e paz no reinado de momo em Assú.

O ex-prefeito, Ronaldo Soares, estará no programa “89 em pauta as 18h” comandado pelo radialista, Delzir Campelo. O veterano patriarca dos Soares, estará conversando abertamente sobre assuntos de interesse dos cidadãos assuenses, e, pronto a responder perguntas, que, porventura, surjam no decorrer do programa. Experiência, e, história de vida, além da empatia com a população assuense garantem um bate papo, no mínimo, interessante, não perca!

Emporio

Não é tarefa fácil, nem tão pouco alvissareira um segmento político, passar mais de 4 anos fora do poder, sem ter uma prestação assistencial de serviço efetiva aos nossos munícipes.

Ninguém consegue se estabelecer com sucesso, gastando seu tempo, somente com críticas veladas, recheadas de ódio e revanchismo partidário.

Existe em Carnaubais um núcleo político insatisfeito, por não conseguir emplacar seus projetos com confiabilidade pública.

Estes usam uma metodologia, desperdiçando saliva, tentando a todo custo desgastar uma gestão, que cotidianamente por dever de oficio, cumpre a obrigação de servir ao povo. (mais…)

FOTO: ASSECOM/RN

A calculadora que faz simulações sobre o real impacto da proposta de reforma da previdência nos salários dos servidores públicos estaduais ganhou mais uma utilidade. A ferramenta agora passa também a indicar quanto tempo falta para o servidor público ter direito à aposentadoria dentro das novas regras propostas pelo Governo do Estado. Essa funcionalidade já está disponível no site http://previdenciasustentavel.rn.gov.br/. Denominada Previdência Sustentável, a ferramenta está no ar desde o início do mês e parte de uma decisão do Governo de dar transparência e informação no processo de reformulação previdenciária do funcionalismo público do Rio Grande do Norte.

A calculadora é direcionada para servidores estaduais ativos, aposentados e pensionistas avaliarem o real impacto da proposta de reforma previdenciária no contracheque. A ferramenta simula com exatidão o valor que será descontado do pagamento mensal e também a alíquota real aplicada em casos de faixas salariais em que incidem várias alíquotas. Agora, passa também a indicar o período de contribuição necessário para que o servidor possa requerer a aposentadoria levando em consideração, inclusive, todas as regras de transição propostas na minuta de reforma, enviada para apreciação dos parlamentares na Assembleia Legislativa do RN.

A calculadora facilita o entendimento, principalmente nos casos de faixas salariais em que incidem mais de uma alíquota, apontando o percentual efetivo de desconto. Com a ferramenta, é possível simular o impacto da proposta de nova contribuição previdenciária nos contracheques dos servidores ativos e inativos.

Emporio

Sequenciando o trabalho de preparação física, mental e emocional das crianças e adolescentes que participarão da primeira eliminatória do Festival Cantores Kids, agendada para o dia 29 deste mês, paralelamente à realização da Feira da Lua, aconteceu nesta segunda-feira (17), nas dependências da Casa de Cultura Popular Sobrado da Baronesa, centro de Assú, uma roda de conversa com a presença de alguns candidatos e seus pais ou responsáveis com o fonoaudiólogo Marlon Gledson.

O Festival é promovido pela Prefeitura do Assú em parceria com a Fundação José Augusto (FJA).

Na ocasião, segundo descreveu o secretário municipal adjunto de Cultura, Paulo Sérgio, o fonoaudiólogo não só se colocou à disposição para responder às perguntas dos concorrentes como pôde transmitir algumas informações e dicas sobre técnicas que serão úteis para auxiliar os jovens na hora do número musical que irão apresentar diante dos jurados.

Num momento anterior, vivenciado dia 07 deste mês, idêntica ação ocorreu com a participação do psicólogo Cândido Medeiros, que focalizou o aspecto psicológico dos menores e adolescentes que competirão no evento sociocultural.

Facebook