Convite oficial distribuído pela Universidade do Estado do RN (UERN) divulga que acontecerá nesta terça-feira (12), às 19h, a solenidade formal de colação de grau das turmas concluintes do primeiro semestre do ano acadêmico de 2018 do Campus Avançado Prefeito Walter de Sá Leitão, em Assú, e dos Núcleos Avançado de Educação Superior das cidades de João Câmara e Macau.

A cerimônia, com a participação do reitor da UERN, professor Pedro Fernandes, será realizada no interior do auditório do Campus Avançado do Assú.

A paraninfa geral das turmas concluintes é a professora Josiel de Alencar Guedes.

Confirmação de presença pelo endereço eletrônico: [email protected]

Para mais informações acesse: portal.uern.br

Confira o calendário de solenidades de colação de grau do semestre2018.1 aqui.

Com informações do Blog Pauta Aberta (Lúcio Flávio) e do site oficial da UERN

 

Fotos ilustrativas da fase de conclusão do açude de Barrocas

Fotos: Francisco Paiva – Bão (Secretário de Agricultura do município)

O jornalista Ricardo Boechat, da TV Bandeirantes e da rádio Band News, morreu na manhã desta segunda-feira (11) em Sâo Paulo. Ele era um dos dois passageiros que estavam no helicóptero que caiu sobre um caminhão no Rodoanel, na região da Via Anhanguera. A outra vítima é o piloto, ainda não identificado.

A informação do óbito foi confirmada pelo governo do estado e pela Bandeirantes. A concessionária CCR Rodoanel Oeste, responsável pela administração da via, disse ainda que o motorista do caminhão ficou ferido e foi socorrido. Segundo o Corpo de Bombeiros, os corpos ficaram carbonizados. A aeronave era um Bell Helicopter, fabricado em 1975.

Os Bombeiros foram acionados às 12h14. De acordo com jornalistas da TV Band, Boechat estava a caminho de Campinas, no interior do estado de São Paulo, onde daria uma palestra, e voltaria para a capital ainda nesta segunda.

Boechat tinha 66 anos. Antes de trabalhar no Grupo Bandeirantes, ele passou pelos jornais “O Globo”, “O Dia”, “O Estado de S. Paulo” e “Jornal do Brasil”. O jornalista também foi comentarista do telejornal “Bom Dia Brasil”, da TV Globo.

O prefeito de Caicó Robson Batata Araújo poderá ser afastado do cargo a qualquer momento a pedido do Ministério Público.

Ele estava afastado da função há 180 dias e reassumiu o cargo hoje (11).

O deputado estadual George Soares (PR) apresentou moção de congratulação na Assembleia Legislativa do RN, ao doutor Wyllys Abel Farkatt Tabosa, Reitor do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), pela avaliação como primeiro lugar entre os Institutos Federais do Brasil.

“O Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) ficou em primeiro lugar entre os Institutos do Brasil, conforme o Web Ranking of Universities, e em segundo no que diz respeito às instituições de ensino do RN. O ‘Webometrics Ranking of World Universities’ é uma iniciativa do Laboratório Cybermetrics, um grupo de pesquisa pertencente ao Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC), maior corpo de pesquisadores da Espanha. ” Justificou o parlamentar.

A lista tem como objetivo melhorar a presença das universidades e instituições de pesquisa na internet e promover a publicação em acesso aberto dos resultados científicos. Atualmente, ela fornece indicadores para mais de 12.000 universidades em todo o planeta.

Assessoria de Imprensa do Deputado Estadual George Soares

A equipe do programa CIDADE LIMPA, está agora pela manhã, iniciando os serviços de recolhimento de resíduos sólidos residências no bairro do Frutivila.

ASSECOM – Assessoria de comunicação.

O DEM quer que Sergio Moro use projetos que já tramitam na Câmara dos Deputados em vez do pacote anticrime que foi apresentado pelo ministro da Justiça e Segurança Pública.

Segundo a coluna “Painel”, da Folha de S. Paulo, o partido de Rodrigo Maia, presidente da Casa, resgatou, por exemplo, uma PEC que estabelece a prisão em segunda instância, apresentada pelo agora ministro da Casa Civil Onyx Lorenzoni enquanto deputado, no ano passado.

O DEM entende que o tema deve ser debatido como emenda à Constituição, e não projeto de lei. O deputado Elmar Nascimento, líder do partido da Câmara, se encarregou de levantar o material e apresentá-lo a Moro. Com informações do Notícias ao Minuto.

Uma reportagem veiculada na noite deste domingo pelo programa Fantástico, da TV Globo, informou que um dos sobreviventes do incêndio que matou dez jogadores da base do Flamengo afirmou em seu depoimento aos investigadores da Polícia Civil que havia uma espécie de “gambiarra” em um dos aparelhos de ar-condicionado do alojamento em que viviam – seis contêineres transformados em dormitórios e que ficavam em uma parte do CT Ninho do Urubu que deveria ser um estacionamento. (mais…)

A FSB fez uma pesquisa sobre a reforma previdenciária com 235 deputados federais e 27 senadores.

O apoio à reforma é esmagador: 82% dos deputados e 87% dos senadores.

Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, começou no último domingo (10) a realizar exercícios militares que vão se prolongar até sexta-feira. No discurso que fez, Maduto voltou a acusar Donald Trump de pretender intervir no país sul-americano.

“Que Donald Trump não nos ameace. Fora Donald Trump da Venezuela, fora as suas ameaças, aqui há força armada e aqui há povo para defender a honra, a dignidade e o decoro de uma pátria que luta há mais de 200 anos”, disse numa cerimônia com militares no estado de Miranda, arredores de Caracas.

No seu discurso, transmitido pelo canal estatal VTV, o líder venezuelano anunciou que aprovará os investimentos necessários para que a Venezuela “possua todo o seu sistema de defesa antiaérea e antimíssil”.

“Para tornar os nossos lugares e povoações locais inexpugnáveis, inexpugnáveis por ar. Por terra eles não podem se meter porque aqui estão os soldados de Bolívar que fariam pagar caro ao império norte-americano qualquer ousadia de tocar o solo sagrado da pátria venezuelana”, prosseguiu, citado pela agência noticiosa Efe.

Estas manobras, que incluem civis e militares, foram convocadas por Maduro após o parlamento, controlado pela oposição, não o reconhecer como presidente legítimo desde janeiro, quando se iniciou o seu segundo mandato após reeleito numa eleição presidencial considerada ilegítima por diversos países, entre eles o Brasil.

A crise política na Venezuela agravou-se em 23 de janeiro, quando o líder da Assembleia Nacional, Juan Guaidó, se autoproclamou presidente da república interino e declarou que assumia os poderes executivos de Nicolás Maduro, com a missão de realizar eleições presidenciais livres e transparentes.

Guaidó conta com o apoio de cerca de 50 países, incluindo os Estados Unidos e a maioria dos Estados-membros UE, incluindo Portugal.

Os Estados Unidos têm reiterado que consideram todas as opções incluindo a militar, para derrubar o poder “chavista” da Venezuela, argumentando com a greve crise que atravessa o país.

À crise política na Venezuela soma-se a uma grave crise econômica e social, com escassez de bens e serviços essenciais, que levou 2,3 milhões de pessoas a fugir do país desde 2015, segundo dados da ONU. Com informações da Lusa.

NOTÍCIAS AO MINUTO

Facebook