Romildo Araújo, o Autor da obra

Romildo Araújo, o Autor da obra

Após a edição das Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicadas ao Setor Público, pelo Conselho Federal de Contabilidade, e a publicação do Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público, pela Secretaria do Tesouro Nacional, teve início o processo de aplicação das normas internacionais de contabilidade pública no Brasil, que são editadas pela Federação Internacional de Contadores (International Federation of Accountants).

A nova contabilidade buscaconsolidar os conceitos e os procedimentos contábeis atinentes ao reconhecimento, mensuração e evidenciação do patrimônio público, aproximando-se da contabilidade aplicada pelas empresas privadas, como resultado da convergência das normas brasileiras aos padrões internacionais de contabilidade aplicados ao setor público.

Considerando que a contabilidade baseada na Lei 4.320/64 era essencialmente uma contabilidade orçamentária, que deixava de aplicar institutos essenciais da ciência contábil, como a depreciação, a reavaliação, os ajustes a valor de mercado e os testes deimpairment, a nova contabilidade insere a possibilidade de uma efetiva representação do patrimônio à disposição dos órgãos e entidades do setor público brasileiro.

Nesse sentido, este livro apresenta os novos procedimentos contábeis patrimoniais, em função da adoção da nova contabilidade, fazendo uma relação com a contabilidade da Lei 4.320/64, em seus aspectos mais relevantes, assim como discutindo as práticas contábeis que visam a uma real representação dos elementos que integram o patrimônio público e das variações patrimoniais qualitativas e quantitativas.

capa 1 Para tanto, são abordados os principais tópicos relacionados nos programas dos principais cursos de graduação e pós-graduação nessa área, bem como dos principais concursos públicos elaborados no país após a edição das NBCASP, notadamente aqueles realizados pelos tribunais de contas.

Agradecemos eventuais críticas, sugestões e indicações de erros e ajustes necessários, a serem considerados nas próximas revisões.

concurso

O concurso público ofertado pelo Banco do Brasil vai oferecer no estado do RN oportunidades para o cargo de Técnico de Operações (Cadastro de Reserva) nas cidades de Angicos, Currais Novos, Mossoró, Natal e Pau dos Ferros.

A remuneração inicial para os convocados varia de R$ 1.470,44 a R$ 3.823,12, dependendo do cargo: Técnico Administrativo (nível médio); Analista de Operações (nível superior); e, Técnico de Operações (níveis médio e técnico).

O calendário de inscrições já foi iniciado e tem sequência até o dia 06 de agosto, uma quinta-feira, sendo feitas pela internet por intermédio do portal do Instituto Quadrix de Tecnologia e Responsabilidade Social – www.quadrix.org.br.

As taxas de inscrição vão de R$ 26,50 a R$ 38,50.

Serão aplicadas provas objetivas no dia 23 de agosto, um domingo, para os concorrentes aos postos de nível médio/técnico; e, 06 de setembro, também um dia de domingo, para os candidatos às funções onde exige-se formação de nível superior.

Para o cargo de Analista de Operações haverá necessidade da aplicação da Prova de Títulos.

No RN, as avaliações serão realizadas em Natal e Mossoró.

Postado por Lúcio Flávio

MCMV

O governo federal suspendeu novas contratações da faixa 1 do programa habitacional Minha Casa Minha Vida, a que contempla as famílias mais pobres, que ganham até R$ 1,6 mil por mês. A orientação dada pelo governo é não fechar mais contratos para essa faixa inicial do programa, enquanto não colocar em dia os pagamentos atrasados das obras. Os atrasos nos repasses às construtoras são amargados em vários estados – – inclusive no Rio Grande do Norte – mas o governo se comprometeu a regularizar os pagamentos até 15 de agosto.

No primeiro semestre deste ano, o governo contratou 202.064 mil unidades do programa de habitação popular, uma das principais vitrines do governo da presidente Dilma Rousseff. Apenas 3,66% dessas casas foram destinadas às famílias da faixa 1.

As contratações para esse público só ocorreram no início do ano e estavam relacionadas a contratos acertados em 2014, mas que ficaram para 2015. A maioria das moradias que contratadas no primeiro semestre será construída para abrigar famílias que ganham acima de R$ 1,6 mil, até o teto de R$ 5 mil por mês. Elas participam das faixas 2 e 3 do programa.

Política em Foco

Emporio

martelo-juiz1Com o objetivo de contratar dois profissionais para o cargo de Juiz do Trabalho Substituto, o Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT – 21), que abrange o Estado do Rio Grande do Norte, informa que está realizando novo Concurso Público. A remuneração é de R$ 27.500,17.

Para se inscrever neste Concurso, os interessados devem apresentar na inscrição definitiva três anos de atividade jurídica exercida após a obtenção do grau de bacharel em Direito, além de outras exigências. Se você deseja concorrer a uma oportunidade, realize a inscrição preliminar a partir do dia 20 de julho de 2015 até o dia 18 de agosto de 2015, por meio de preenchimento da ficha disponível no endereço eletrônico: www.trt21.jus.br. A taxa de participação no valor de R$ 270,00, e deve ser paga mediante impressão da GRU.

Emporio

carlos eduardo chapaO trem de 2016 se prepara para iniciar sua jornada eleitoral. Enquanto isso, quem é oposição afia a língua para criticar os atuais gestores.

Em Natal, por exemplo, o bombardeio ao prefeitoCarlos Eduardo (PDT) fica por conta dos deputados estaduais Fernando Mineiro (PT) e Kelps Lima (PT). Auxiliares da gestão municipal, claro, buscam rebater as críticas.

Emporio

dnocs_jair

Convênio entre a Prefeitura de Felipe Guerra (RN) e o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) virou dor de cabeça no Planalto: uma máquina da autarquia foi usada para perfurar um poço onde mora o secretário municipal do Esporte, Brunno Gurgel, através de acordo entre a prefeitura e o coordenador do Dnocs, José Eduardo Alves Wanderley, sobrinho do ministro Henrique Alves (Turismo).

QUEM MANDA
Apesar do Dnocs ser do Ministério da Integração, do pepista Gilberto Occhi, lá é Alves quem apita. Até garantiria a boquinha para o sobrinho.

AZEDOU
Michel Temer tentou acordo com PP e Alves: a sigla indica a diretoria do Dnocs e Alves a presidência. Agora, o acordo subiu no telhado.

Emporio

 Para aquele que visita a cidade do Assu nos tempos atuais, sempre cabe a pergunta: porque tantas obras paradas e tantos serviços para serem concluídos?

Foto de João Nogueira.
Foto de João Nogueira.
Foto de João Nogueira.
Foto de João Nogueira.
Foto de João Nogueira.
Em tempo:  O descrédito da atual administração é o único responsável pela paralisação de várias obras do Governo Federal no município.

liga

A Liga Norte Riograndense Contra o Câncer, referência em tratamento do câncer no Rio Grande do Norte e no Nordeste, completa 66 anos nesta sexta-feira. Fundada em 17 de julho de 1949, passou de uma simples casa de recolhimento de cancerosos para se tornar um Centro de Alta Complexidade em Oncologia (CACON), de acordo com a classificação do Ministério da Saúde. A instituição hoje é formada por cinco unidades, sendo uma de apoio humanitário: o Centro Avançado de Oncologia (CECAN), Hospital Dr. Luiz Antônio, Policlínica, Hospital de Oncologia do Seridó (em Caicó) e a Casa de Apoio Irmã Gabriela.

Reconhecida pela democratização do acesso à oncologia de ponta, atingindo quase 70% de volume de serviços destinados a pacientes do SUS, a Liga Contra o Câncer vem hoje rompendo fronteiras e conseguindo conjugar excelência com filantropia.

A Instituição comemora seu aniversário com um nível de excelência raro para uma filantrópica, além de ter conseguido dar conta do crescimento da demanda. Só nos últimos três anos aumentou o número mensal de procedimentos realizados em cerca de 20%. Em 2014 foram detectados 4.805 novos casos de câncer. Em termos de atendimentos especializados o volume foi bem significativo no ano anterior: mais de 210 mil aplicações de radioterapia, 41 mil ciclos de quimioterapia e mais de 12 mil cirurgias.

De olho no Assú
17 - jul/2015

RAPIDINHAS do De olho no Assu

11061210_850823228335761_4503917407003307305_n

Assu: Denúncia – O Blog de olho no Assu recebeu um e-mail de um leitor que diz o seguinte: ‘passem lá na comunidade do Piató pra vocês verem a qualidade da água que é servida aos moradores, é simplesmente de baixíssima qualidade, e sem contar que no rico vizinho tem um poço de água mineral que ele não divide com ninguém’“Depois não venham dizer que estamos criando histórias.”

Deu notícias – Quem ligou para a Redação do de olho foi saboinha. O jovem está a trabalho na cidade muito–e aproveitou para mandar um abraço aos amigos e parentes da cidade do Assú. “Ele disse que pretende visitar Assú em setembro”.

 Carnaubais: A caneta vai rolar – Chegou uma notícia até a nossa redação de que o Prefeito Junior Benevides irá da continuidade as demissões de funcionários contratados nos próximos dias. Segundo informações, a atitude do Executivo visa enxugar a ‘máquina’ administrativa, uma vez que estaria super lotada. Existem ainda informações de que até pessoas que brigaram durante a campanha eleitoral municipal estariam na lista de demissão. “Uma dessas ninguém esperava.”

 

Emporio
Blog De olho no Assú
17 - jul/2015

Desgastado, prefeito tenta se levantar

PREFEITO-DE-ASSÚ

O atual prefeito de Assú, Ivan Junior (PROS) parece está num verdadeiro calvário. O prefeito vem recebendo diversas críticas na calada da noite de seus supostos aliados. Muitos deles não mais associam sua imagem, a imagem a do prefeito, uma vez que o homem parece está “queimado”, principalmente perante os mais humildes do município. Há quem diga que tem aliado esperando o prefeito bater sua porta nas eleições de 2016 em busca de apoio para seu sucessor com resposta na ponta da língua. Sem falar que quanto mais o homem tenta se levantar, mais ele parece tropeçar nas próprias pernas.

Facebook