A economia brasileira gerou 408.500 empregos com carteira assinada no primeiro semestredeste ano, segundo números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta quinta-feira (25) pelo Ministério da Economia.

O saldo é a diferença entre as contratações e a demissões. Nos seis primeiros meses deste ano, o país registrou 8.221.237 contratações e 7.812.737 demissões.

De acordo com o governo, trata-se do melhor resultado, para este período, desde 2014, ou seja, em cinco anos. No mesmo período do ano passado, por exemplo, foram abertas 392.461 vagas com carteira assinada.

Sim! O Trenzinho que faz a alegria da garotada assuense está de volta! Nos próximos dias 26, 27 e 28 de julho, saindo da Praça 24 de junho, no Point Bar e Petiscaria a partir das 17 horas! Não deixe seu pequeno ficar de fora dessa. Atenção! As escolas interessadas podem entrar em contato pelos números 99663-8174 ou 99616-9639. Façam um tour da alegria com suas crianças e caiam nessa folia!

 

Como vocês sabem, gosto do debate respeitoso e esclarecedor.

Me mandaram um áudio de um jovem, chamado José Elias. Acho que se ele mesmo ouvi-lo mais de uma vez, apaga e pede perdão aos assuenses. Nunca ouvi, algo parecido, de tudo que me pedem para ler ou ouvir, da política assuense. Ouvi, três vezes, com atenção. Puro spoofing. Só, somente só.

O jovem desconhece a história do Assú. Liguei para o meu Historiador
de confiança e ele me mandou:

-O Prefeito Edgard Montenegro, avô do Dr. Gustavo, foi o primeiro Prefeito a aplicar CALÇAMENTO em Assú. Me disse, que o Sr. João Pio, vindo de
Macaiba, foi o grande mestre de obras.

– O Prefeito Walter Leitão, foi o Prefeito que conseguiu a primeira obra com ASFALTO em Assú, a Av. João Celso Filho.

– O Prefeito Ronaldo SOARES, foi o segundo Prefeito a conseguir uma obra com ASFALTO para Assú, a Av. Dr. Luiz Carlos.

-O Prefeito Lourinaldo SOARES foi o terceiro Prefeito que conseguiu ASFALTO para Assú, a Av. Sen. João Câmara.

– O Prefeito Zé Maria foi o primeiro Prefeito a fazer obras com ASFALTO, com recursos próprios da PMA.

– O Deputado George SOARES, conseguiu com Dep. João Maia e o Governador Iberê Ferreira, recuperar todos os ASFALTOS feitos até então.

Como fica claro, o Jovem José Elias não diz nada com nada. Não
contribui para um bom debate, podia ter apenas dito: SOU CONTRA
OS SOARES e ponto final.

Meu jovem, Ivan Júnior foi na verdade o único prefeito que:

– ENRICOU A FAMÍLIA, HOJE A MAIS RICA DE ASSÚ. MILIONÁRIOS!

– ENRICOU UNS POUCOS EMPRESÁRIOS, milhões e milhões.

– E BOTOU 160 CARGOS COMISSIONADOS, PARA FAZER, JOVEM JOSÉ ELIAS, o que você fez: FALAR MAL DOS SOARES.

O Dr. Gustavo e o Dep. George Soares são na atualidade um exemplo
de jovens políticos COMPETENTES E SÉRIOS. DEFENDEM OS SEUS CONTERRÂNEOS E REALIZAM MUITAS OBRAS, MUITAS MESMO, TANTO EM ASSÚ, COMO NO VALE. Isso José Elias, incomoda e muito. Abs, Eridu.

25 - jul/2019

Itajá/RN: CONVITE

A possibilidade de uma vacina contra o vírus HIV está mais próxima: até o fim de 2019, um estudo em oito países começará a testar uma vacina em seres humanos – e o Brasil fará parte dos testes. O anúncio foi feito na Cidade do México, durante a 10ª Conferência da International AIDS Society sobre a Ciência do HIV (IAS 2019).

O estudo, chamado de Mosaico, testará a eficácia de uma vacina de quatro doses ao ano, uma a cada três meses. Com uso de engenharia genética, a vacina usa o adenovírus, parente do vírus da gripe, para estimular a resposta do sistema imunológico. A vacina contém pedacinhos do HIV, que não são capazes de deixar a pessoa com o vírus, mas, sim, de estimular as células de defesa a criar uma barreira contra o HIV no caso de um real contato com o vírus.

O Senado aprovou diversos projetos da pauta feminina no primeiro semestre de 2019. São proposições que garantem, por exemplo, acesso das mulheres marisqueiras às políticas públicas disponíveis para a atividade pesqueira no Brasil (PLC 47/2017); vagas em escolas da educação básica mais perto de casa para filhos ou dependentes de mulheres vítimas de violência doméstica (PL 1.619/2019); igualdade no valor de premiações para homens e mulheres em competições esportivas que envolvam recursos públicos (PLS 397/2016); e aplicação de multa para empresas que praticam discriminação salarial (PLC 130/2011).

Já a senadora Zenaide Maia (Pros-RN) pondera sobre a necessidade de atuação feminina em áreas como orçamento e tributação, por exemplo. Esses “também são assuntos de mulher”, defende:

— A gente pode fazer muito mais. Somos minoria, mas nosso olhar é muito mais amplo do que simplesmente sobre as questões de empoderamento, e o mundo todo já acordou para isso.

Para evitar uma nova greve dos caminhoneiros, o governo vai reabrir as negociações sobre o preço do transporte de cargas. A partir da próxima segunda-feira (29), os produtores, motoristas autônomos e transportadoras vão discutir valores específicos para cada tipo de carga.

O acordo entre as partes foi costurado pelo ministro Tarcísio de Freitas (Infraestrutura) nos últimos 2 dias. Nesta 4ª feira (24.jul.2019), o ministro recebeu representantes de 43 empresas e associações empresariais que contratam o transporte de carga e cerca de 80 caminhoneiros autônomos.

Trabalhadores começam a receber hoje (25 de julho) dois pagamentos diferentes relativos ao PIS/Pasep. Um deles é o abono salarial de até R$ 998 para quem trabalhou com carteira assinada em 2018.

O outro é o rendimento anual do fundo PIS/Pasep, pago somente para quem trabalhou com carteira assinada entre 1971 e 1988 e ainda não sacou os recursos.

Os “saques imediatos” de até R$ 500 das contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) terão início em setembro deste ano.

De acordo com o Ministério da Economia, o limite de R$ 500 valerá para cada conta do fundo. Ou seja, os trabalhadores que possuírem mais de uma conta poderão sacar valores maiores que R$ 500.

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN) marcou para a próxima terça-feira (30) a continuidade do julgamento do processo que poderá culminar com a cassação do mandato do deputado estadual Sandro Pimentel (PSOL).

Se Sandro for cassado, assumirá o primeiro suplente da coligação, Robério Paulino(PSOL).

Facebook