No dia D de combate ao Sarampo, 200 servidores da saúde de Assú se mobilizam com o intuito de proteger a saúde de crianças e adolescentes do nosso município.

 

O Governo do RN depositou mais de R$ 314,3 milhões na economia potiguar. O adiantamento do salário de fevereiro de 2020 e o passivo de novembro de 2018 amanhecerão na conta bancária dos servidores do Estado neste sábado (15).

O funcionalismo que recebe até R$ 4 mil (valor líquido) e a categoria da Segurança Pública receberão o salário integral. O servidor que recebe acima de R$ 4 mil teve 30% de seu salário adiantado e receberá os outros 70% no próximo dia 29.

Com isso, mais de 60 mil funcionários terão seus salários integrais na conta já na metade do mês e quase 30 mil terão parte de seus vencimentos adiantados, totalizando uma folha de mais de R$ 220 milhões.

SALÁRIO DE NOVEMBRO DE 2018

Em relação ao passivo de novembro de 2018, foi depositada a parcela restante dos servidores que recebem acima de R$ 5 mil. Com isso, o Governo quita o segundo dos quatro salários em atraso deixados pela última gestão, tendo pago também o 13º de 2017.
O Governo segue no trabalho constante pela busca do equilíbrio fiscal e de receitas extras para pagar os salários de dezembro e o 13º de 2018, que totalizam um montante de mais de R$ 700 milhões.

 

Tenho tornado público o que os que se dizem independentes não fazem sobre o salário da família do Ivan Júnior. Não tenho falado nos cargos comissionados da família.

– Nunca falei do cargo comissionado que a mulher dele tinha no gabinete do Dep. Ricardo Mota;

– Dos primos secretários da PMA;

– Primas e Tio no governo do estado;

Pois se juntar tudo isso, os cargos exercidos pelos Soares, em 30 anos não chegam a 01% dos que a família de Ivan Júnior, ganhou em 10 anos.

O que falo é dos contratos, esses foram tirados da conta da SECRETARIA DE SAÚDE DE ASSÚ para pagar:

– Clínica fisiodonto Vitalis do Dr Alexandre Lopes no valor de R$ 91.520,00;

– Clínica Fisiodonto Vitalis do Dr Alexandre Lopes, valor: R$ 89.400,00;

– Dra. Vanessa Lopes, mais R$ 160.000,00 + R$ 80.000,00;

– Lacel de Dr. Ivan Lopes R$ 211.146,00;

– Dr. Caio Lopes R$ 55.000,00;

– Dr. Caio Lopes R$ 80.000,00;

– Dra. Carolina Lopes R$ 55.000,00;

– Dra. Carolina Lopes R$ 64.000,00;

Totalizando R$ 886.066,00 !!!

Como vocês veem cada um tem dois contratos, podia o Prefeito Ivan
ter selecionado pessoas de outras famílias. Mas tudo foi para família dele.

Contudo, o que é mais perverso nessa história toda são:

– AS OBRAS PARADAS DAS UBS, unidade básica de saúde;

– A OBRA DA UPA PARADA (unidade de pronto atendimento);

NÃO TINHA DINHEIRO.

AFIRMO, mais teve dinheiro para pagar a família dele.

Procure, no Brasil inteiro, se teve um Prefeito fazendo isso. Vou conversar com vocês, de forma detalhada meus comentários.

ENCHENTÃO, ADUTORA DO SIMÃO, TERRENOS DO MINHA CASA MINHA VIDA, DAS PEÇAS E SERVIÇOS e da imoral venda dos votos de Assú, para Henrique Alves.

Portanto, blogueiro do Além, vá juntando as baboseiras do Ivan, que para detalhar esses FATOS vou usar suas expressões.

Por exemplo, esses contratos como se classificariam: tráfico de influência, lavagem
de dinheiro, formação de quadrilha. E SE TIVESSE SIDO FEITO POR RONALDO?

Abs, Eridu.

Vereador João Paulo “SD” teve nos últimos dias visitando na comunidade do Mendubim II, no local onde tem uma barragem submersa da pessoa de Marcos Antônio “Preto” como é conhecido, que estava precisando de uma reforma na estrutura física da mesma; E através do seu mandato conseguiu com o chefe do executivo do Assú DR Gustavo Soares através do governo gente cuidando de gente, essa ação muito importante para os moradores da comunidade.
“Essa barragem submersa é muito importante para esses moradores, pois no período de estiagem das chuvas ela é que vai manter o abastecimento em diversas áreas como no plantio e até mesmo para o consumo dos animais etc. Quero agradecer o chefe do executivo nosso prefeito por ter colaborado mais uma vez com nosso mandato que sempre Estamos procurando melhorias em todas as áreas para nossa população” acrescentou o vereador.

Valorizar os bairros, trazer segurança, melhorar acesso às comunidades e livrar moradores da poeira e da lama. Estes são alguns dos objetivos da gestão municipal, que está transformando a cidade num grande canteiro de obras, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida dos moradores e o acesso de quem transita pelo município.
Além de receberem a pavimentação, todas as vias estão sendo preparadas com obras de infraestrutura e drenagem, como galerias de águas pluviais, guias e sarjetas. Essa infraestrutura garante que, durante o inverno, as águas da chuva sejam escoadas de forma correta, evitando transtornos, como alagamentos, e garantindo maior durabilidade ao pavimento.
No último domingo, os moradores do bairro São Manoel comemoraram a entrega da pavimentação de três ruas: Antônio Vieira da Silva, Cecília Cândida e José Jeú Guimarães. Confira o antes e depois nas imagens.

Uma brincadeira de mau gosto chamada de “quebra-crânios” ou “desafio da rasteira” tem preocupado pais de todo o Brasil. Os vídeos que viralizaram na internet nos últimos dias mostram jovens sendo derrubados por colegas após pulos em trios, caindo de costas no chão.

O jogo começou com a postagem de um youtuber e logo tomou grande proporção no Brasil. Mas especialistas alertam que a tal “brincadeira” com queda pode levar a paralisia por fraturas na coluna, ou mesmo provocar a morte por lesão craniana. Uma menina morreu em Mossoró vítima dessa brincadeira.

“Precisamos estar atentos ao que nossas crianças e jovens estão assistindo, postando e imitando na Internet. Sobre esse assunto, tenho tratado constantemente com o ministro Sérgio Moro, buscando formas de proteger os menores de conteúdos que gerem violência e o Governo tem dado atenção aos nossos projetos”, destacou Fábio.

Informações bem fundamentadas apontam que o ex-prefeito, Ivan Junior tenta a todo custo manipular o discurso do veterano, Ronaldo Soares, com o intuito de fazer parecer que Ronaldo orienta os vereadores a “perseguirem” as contas de Ivan, quando, na verdade, existe uma recomendação do TCE para mandar para o Ministério Público do Rio Grande do Norte sobre a Câmara Municipal, em razão de uma série de ressalvas. Ivan Junior cada vez se enrola mais em suas táticas que insanamente busca uma brecha para ter a chance de disputar as próximas eleições e, parece não medir esforços em sua ambição ao cargo de prefeito do município de Assú.

Emporio

 

Assisti um trecho de seu bate papo, na live de seu vice, desculpe não deu para assistir todo (não tive estômago) Mas, preciso lhe informar e recomendar, a política lhe levou pelo caminho que você mesmo desejou.

Mas, você adoeceu de cinismo. Você sempre, me contam, quis ser rico: comer bem, morar bem, ter tudo do bom o do melhor. Até aí ,se compreende.

Mas você escolheu o caminho de se aproveitar da política para atingir esse seu alucinado desejo. Não teve escrúpulos, não teve consideração e escolheu os mecanismos nazistas e fascistas do marketing, para destruir seus adversários. Não teve dó nem piedade, mas agora quando sente que ventos apontam para você, se transmuda em angelical cidadão convocando os jovens, que não sabem de suas lambanças e maus feitos.

Acompanhei com atenção os comentários postados no vídeo feito, destemperadamente, deturpando a arte, pelo Sr. José Elias. Todos focados na família do meu Primo Ronaldo Soares.

Claro que não foi você quem mandou fazer. Mas, como tenho em meu e-mail centenas de matérias postado pelo blog do VT. Fiquei a pensar, se tudo aquilo serviu ou não de indutor, para ser criado contra Ronaldo Soares e seus familiares, tamanho despropério.

Bom, daqui desse lugar, venho batendo na mesma e enfadonha tecla sobre a forma do seu enriquecimento ilícito, de sua família e de meia dúzia de empresários. TODOS PODRES DE RICOS, com o dinheiro dos
mais humildes de Assú.

Agora, se aproxima dos jovens dessas mesmas famílias, para usá-los como escudo de proteção ao seus milhões de reais, surrupiados deles.

Você, Ivan, o fez das mais variadas formas e modelos. Desde a aparente legalidade, mas cheias de IMORALIDADE. Como o são os contratos milionários de sua família. Como são imorais os lucros obtidos por empresários nas vendas do dois terrenos para os conjuntos Irmã Lindalva e Cristóvão Dantas. E ainda, das obras e serviços pagos e não feitos e todos acobertados por você.

Agora você, derrotado, (KKKKKKKKKKKK) pede que os políticos não destruam uns
aos outros. Esperei muito por esse dia.
Lamento lhe informar, com se diz no velho Cabugí, agora é tarde e Inês não mais existe!
RICO, podre de rico, seu dinheiro fede. Quer, voltar ao poder, para viciado no dinheiro fácil, ficar mais fedorento ainda. Abs, Eridu.


Oriundo da presidência da Câmara, o Projeto foi recebido após sua aprovação plenária na quarta-feira (12), pelo Gabinete do chefe do Executivo.Matéria concebida na alçada do Poder Legislativo municipal, onde obteve aprovação e motivou uma reação de protestos dos mais diversos segmentos organizados da sociedade civil assuense, o Projeto de Lei que dispõe sobre o reajuste da remuneração dos ocupantes dos cargos de prefeito, vice-prefeito, vereadores e secretários municipais, cuja vigência se verificará a partir da próxima legislatura (2021-2024), foi vetado pelo prefeito Gustavo Montenegro Soares.

Nesta quinta-feira (13) o prefeito Gustavo Soares assinou o veto, tendo a seu lado a vice-prefeita Sandra Alves e alguns integrantes de seu 1º escalão administrativo.

Quero anunciar que, mesmo reconhecendo a legalidade e legitimidade do Projeto de Lei aprovado pela Câmara de Vereadores que reajusta os salários dos cargos de prefeito, vice, vereadores e secretários a partir da próxima legislatura, decidi, após uma reflexão em torno do assunto, vetar a matéria”, disse o gestor.

Nesta decisão levei em conta algumas questões, dentre elas o instante ainda preocupante da economia nas esferas nacional e estadual, e a desaprovação popular de todo o conjunto da sociedade ao teor do Projeto, entendendo que ele chega num momento não oportuno. Depois de embasar meu veto nestes argumentos, quero reafirmar ao povo do Assú o propósito inabalável de continuar trabalhando para construirmos um novo tempo para nossa terra e nossa gente. Por isso somos um governo de Gente Cuidando de Gente!”, exclamou o prefeito.

O veto é publicado na edição desta quinta-feira do Diário Oficial do Município.

O deputado federal João Maia (PL) indicou emenda parlamentar impositiva, no valor de R$ 1.200.000,00 para calçamentos na zona rural da cidade de Assú.
Será a maior ação de calçamento na várzea da Capital do Vale, onde 5 comunidades e 15 ruas serão calçadas. Serão 5 ruas em Linda Flor, 4 ruas em Nova Esperança, 1 no Panon 1, 2 no Panon 2 e 3 ruas na Mutamba.
O deputado George Soares anunciou na rádio Princesa do Vale essa grande parceria com a gestão de Assú e agradeceu ao deputado João Maia pelas ações.

Facebook