Três agências do O Banco do Brasil (BB) serão fechadas – em Natal, Parnamirim e Mossoró – e um posto de serviço em Tangará, com a absorção dos serviços em outras agências e correspondentes bancários. O anúncio gerou preocupação à governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra.

Ao receber a visita da nova superintendente da instituição no Estado, Priscila Requejo Simões de Araújo, nesta terça-feira 12, Fátima obteve a resposta de que os servidores estaduais não serão prejudicados por que o banco investirá em correspondentes bancários, com previsão de três unidades em cada município. “Na condição de Governo, temos a obrigação de acompanhar essa situação, pois são serviços muito importantes para os servidores públicos, a população em geral e a economia do nosso estado”, afirmou a governadora.

Sobre as demissões, a nova superintendente do banco no RN explicou que apenas os servidores que aderirem ao Plano de Demissão Voluntária serão afastados, pois os que trabalham nas agências a serem fechadas serão realocados para as 15 novas carteiras que a instituição passará a operar.

 

(mais…)

O América demitiu nesta terça-feira 12 o técnico Paulinho Kobayashi. A saída do treinador, que fracassou na tarefa de levar o time potiguar à Série C deste ano, foi decidida no fim da tarde, três dias após a última partida da equipe na quarta divisão do Campeonato Brasileiro. O alvirrubro foi eliminado no empate por 1 a 1 com o Floresta (CE), na Arena das Dunas, na partida de volta pelas quartas de final do torneio.

Segundo nota publicada pelo América, a decisão pela saída de Paulinho Kobayashi foi acertada de “forma cordial”. “As portas seguem abertas para o treinador a quem o América Futebol Clube agradece os serviços prestados e deseja sucesso nos próximos desafios”, definiu a direção da equipe.

Paulinho assumiu o clube em setembro do ano passado, no segundo turno do estadual, após a demissão do então técnico Roberto Fernandes. O América ainda não definiu o nome do treinador para a próxima temporada.

AGORA RN

Em menos de um mês, o bitcoin saiu de US$ 19 mil (R$ 104,6 mil) para US$ 40 mil (R$ 220 mil) no início de 2021. No sábado (9), foi a US$ 40,858,59 (R$ 224,8 mil), segundo dados da Bloomberg, batendo um novo recorde. Nesta terça-feira (12), a criptomoeda valia, às 17h15, US$ 34.103,54 (R$ 181,5 mil), uma queda de 16,5% em relação ao recorde, após realização de lucros de investidores. Segundo analistas do mercado, a recente valorização é fruto do aporte de grandes investidores institucionais, como o fundo Renaissance Technologies e as gestoras AllianceBernstein e Guggenheim Partners.

Com a abundante liquidez provida pelos principais bancos centrais do mundo para combater os efeitos econômicos do coronavírus, aumentam os recursos à disposição para investimento. No cenário de juro baixo, dólar pressionado pelo crescente gasto do governo americano e Bolsas de Valores em patamares recordes, as criptomoedas ficam mais atrativas. Gestores de destaque em Wall Street também investem na moeda, como os americanos Paul Tudor Jones, Stanley Druckenmiller e Bill Miller.

Warren Buffett, por outro lado, é um dos críticos ao bitcoin. Em entrevista à rede de televisão americana CNBC em 2019, ele disse que ela é “uma ilusão, basicamente.”

Com a pandemia de Covid-19, o bitcoin passou a ser visto como um um hedge (transação compensatória que visa proteger contra prejuízos na oscilação de preços) contra a inflação e uma alternativa ao dólar depreciado. “Muita gente do mercado tradicional pulou a cerca ou pelo menos colocou um pé no mundo das criptomoedas”, afirma João Marco Braga da Cunha, gestor da Hashdex.

Em 2020, a moeda americana perdeu 7,30% de seu valor ante as principais divisas globais, enquanto o bitcoin teve valorização de 300%. Os pacotes de estímulo econômicos nos EUA aumentam as perspectivas de alta na inflação do país, e economistas consultados pela Bloomberg afirmam que a expectativa mediana é de alta de 1,2% em 2020, 2% em 2021 e 2,1%. “A tese de que o bitcoin é uma defesa para o risco inflacionário ganhou muita força” diz Cunha.

Desde que a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou pandemia de coronavírus em 11 de março de 2020, o bitcoin vive um rali, se valorizando 343%. Outro fator para a forte alta é que o bitcoin é finito e sua emissão está perto do fim. Na sua criação, estabeleceu-se que podem haver apenas 21 milhões de bitcoins. “Estamos próximos de 90% disso. O bitcoin é muito valioso por sua escassez. Cerca de 80% do que já foi emitido não está sendo movimentado, está sob custódia”, afirma Safiri Felix, conselheiro da ABCripto (Associação Brasileira de Criptoeconomia).

(Com Reuters)

Leia matéria completa na Folha.

Uma mulher negra que diz ter sido vítima de ofensa racial no trabalho foi condenada pela Justiça a indenizar um dos acusados em R$ 8 mil por danos morais. Em 2016, Ana Theresa da Silva fez boletim de ocorrência acusando dois colegas de injúria. O inquérito foi arquivado. Em 2020, um dos homens citados ingressou com ação indenizatória, que foi acatada e fixada primeiro em R$ 20 mil e depois reduzida para R$ 8 mil.

A Justiça alega que no boletim de ocorrência Ana não citou injúria racial. “É evidente o abalo e as repercussões da acusação sofrida pelo requerente em sua vida pessoal e profissional”, afirma o juiz Caio Salvador Filardi. O advogado Hédio Silva Jr., que defende Ana, afirma que a citação foi feita. “Trata-se de mais um caso, deplorável, no qual a vítima é punida por não permanecer quietinha”.

“Os magistrados não demonstraram interesse em saber se o arquivamento do inquérito se deu por inexistência de crime ou por insuficiência de provas, concluindo, decerto por excelente adivinhação, que a razão teria sido falta de provas”, afirma. Ele vai recorrer.

FOLHAPRESS

Foto: Reprodução/Twitter

O goleiro Federico Marchetti, do Genoa, recebeu uma notícia nada agradável enquanto treinava, nessa segunda-feira (11/1). O jogador de 37 anos havia deixado sua Ferrari para lavar e se deslocou para a atividade. Um funcionário do lava-jato foi manobrar o veículo e acabou batendo em uma barreira de proteção e outros carros.

O acidente destruiu a frente da Ferrari, mas, conforme o próprio goleiro informou, “graças a Deus ninguém se machucou”. “Lamento muito o que aconteceu, graças a Deus, ninguém se machucou e essa é a notícia mais importante”, afirmou Marchetti, em sua conta no Instagram.

Foto: Reprodução/Twitter

METRÓPOLES

México, Chile e Costa Rica estão entre os países que já estão aplicando a vacina contra covid-19 — Foto: Getty Images via BBC

Apesar de vários países já estarem aplicando vacinas contra o coronavírus, o mundo não alcançará a imunidade de rebanho em 2021, segundo alertou a Organização Mundial da Saúde (OMS).

“Não vamos atingir nenhum nível de imunidade coletiva em 2021” porque o processo de aplicação de vacinas “leva tempo”, disse a cientista-chefe da OMS, Soumya Swaminathan, em uma entrevista coletiva virtual em Genebra.

“Leva tempo para dimensionar a produção de doses — não só em milhões, mas aqui estamos falando de bilhões”, disse ela, que pediu que as pessoas tivessem “um pouco de paciência”.

 

(mais…)

Foto: Pille-Riin Priske/Unsplash

Com alta de 14,09%, o grupo de alimentos e bebidas foi o que mais contribuiu para a inflação acumulada em 2020. O valor é o maior desde 2002, quando a alta foi de 19,47%. Mas a expectativa de mercado é que o segmento deixe de ser o vilão deste ano. Na verdade, é esse grupo que deve ajudar o Índice de Preços ao Consumidor Amplo a ficar mais baixo. A meta para 2021 é de 3,75%, e a previsão de economistas é de 3,34%.

“Acho que (este ano), especialmente alimentos, deve ter um impacto muito menor do que vimos no ano passado. Essa forte pressão que vimos acontecer no segundo semestre vai arrefecer muito nesse primeiro semestre especialmente. Consequentemente, o Banco Central não vai precisar, por ora, subir taxa de juros”, avalia Sergio Vale, economista-chefe da MB Associados.

 

(mais…)

Foto: Cícero Oliveira

Para dar continuidade à parceria internacional com a Huawei – gigante tecnológica chinesa –, o Instituto Metrópole Digital (IMD/UFRN) está com inscrições abertas para a quarta turma do curso em HCIA Inteligência Artificial. As formações online visam a preparar os alunos para o exame de certificação tecnológica promovido pela empresa multinacional.

Intitulada Academia Autorizada Huawei para Ensino de Tecnologia da Informação e Comunicação (HAINA), a iniciativa conta agora com o edital nº 002/2021, que contempla 60 vagas, com inscrições abertas até o dia 17 deste mês, acessíveis por meio do formulário de inscrição. Para participar, não é necessário ter diploma de graduação ou de curso técnico, basta que o candidato comprove ter conhecimento sobre as temáticas do curso.

Segundo a professora Anne Canuto, coordenadora da iniciativa, qualquer pessoa, tanto do RN como de outros estados, pode participar do projeto, que garantirá aos melhores alunos do curso de IA a oportunidade de prestar, gratuitamente, o exame de certificação Huawei – prova de alto nível cuja inscrição normalmente é paga em dólares.

Seleção

O processo de seleção consiste em avaliação da documentação comprobatória e prova online sobre conceitos básicos de programação, cálculo fundamental, álgebra e estatística. Os critérios de desempate no processo seletivo do curso consideram formação acadêmica, experiência em programação e em Inteligência Artificial, além de idade. A prova está prevista para ser aplicada no dia 20 de janeiro e o resultado será divulgado no dia 21 do mesmo mês. As aulas começam no dia 25.

Cartão do SUS — Foto: Reprodução/Ministério da Saúde

O Ministério da Saúde prevê começar a vacinação contra a Covid-19 entre 20 de janeiro e 10 de fevereiro. As duas vacinas que pediram o uso emergencial – CoronaVac e Oxford – são administradas em duas doses. Como será feito esse controle? Preciso me cadastrar em algum lugar para receber a vacina?

Segundo o plano de imunização do governo, todas as pessoas serão vacinadas, mesmo que não apresentem algum documento. Basta comprovar que pertence ao grupo prioritário correspondente à fase da vacinação.

Entretanto, para fazer o controle, o Ministério da Saúde diz que é importante informar o número do CPF ou apresentar o Cartão Nacional de Saúde (CNS) – o Cartão do SUS (veja como se cadastrar abaixo).

 

(mais…)


Foto: Sergio Moraes/Reuters

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) cobrou explicações à Ford sobre a decisão de finalizar a produção no Brasil.

Atualmente, dois empréstimos estão ativos, no valor de R$ 335 milhões, para desenvolvimento de novos veículos e ações sociais.

 

(mais…)

Facebook